sambafoot

sambafoot - Apesar do aumento, gasolina fica estável em pesquisa da ANP

Preço médio da gasolina fica estável em R$ 4,97, revela pesquisa da ANP. Reajuste da Petrobras interromperá queda dos preços em duas semanas seguidas

A ANP (Agência Nacional de Petróleo) ainda não encontrou os efeitos do reajuste na gasolina na pesquisa semanal de preços de combustíveis. O levantamento mostra que o preço médio por litro ficou em R$ 4,97. Contudo, como a pesquisa foi feita em postos nos primeiros dias da semana, o reajuste pode ter passado despercebido.

Como contamos aqui, na última quarta-feira a Petrobras elevou em R$ 0,23 o preço da gasolina nas refinarias. O aumento da estatal ocorreu antes da nomeação de Jean Paul Prates à presidência da empresa. A elevação foi criticada por sindicatos como gesto para agradar acionistas antes da mudança de gestão pelo governo federal.

Segundo a pesquisa da ANP, o preço da gasolina abaixou em 22 dos 27 estados, especialmente Paraná (-4,04%), Goiás (-3,43%) e Piauí (-2,87%). Aumentou apenas em 3 estados: Amapá (+0,44%), Mato Grosso do Sul (+0,21%) e Espírito Santo (+0,20%). Preços estáveis em Amazonas e Roraima.

Os dados foram coletados na semana de 22 a 28 de janeiro em mais de 3,9 mil postos de combustíveis do país. No próximo levantamento, entre 29 de janeiro e 05 de fevereiro, os efeitos do reajuste da Petrobras devem ser notados com maior precisão.

De acordo com a ANP, o preço médio do diesel S-10 caiu 0,7% durante a semana passada, chegando ao valor de R$ 6,38 por litro. A Petrobras não alterou o preço de venda do produto desde o início de dezembro.

Leia também:
Filtro do câmbio automático: quando é preciso trocar?

Lei cancela o guincho em blitz e dá 15 dias para regularizar o carro
Volvo inaugura dois eletropostos entre BH e São Paulo
5 dicas para comprar um carro usado ou seminovo

O preço do etanol foi um dos destaques, com uma queda de 1,8%, chegando ao valor de R$ 3,78 por litro. Este é o menor valor desde a segunda semana de novembro de 2022, considerando a inflação do período.

Já o preço médio do botijão de gás de 13 quilos ficou estável, em R$ 108,02. É importante destacar que estes dados foram coletados na pesquisa semanal da ANP e podem sofrer alterações ao longo da semana.

DEIXE SEU COMENTÁRIO
Postagem Relacionada
sambafoot Mapa do site