window.advanced_ads_ready=function(e,a){a=a||"complete";var d=function(e){return"interactive"===a?"loading"!==e:"complete"===e};d(document.readyState)?e():document.addEventListener("readystatechange",(function(a){d(a.target.readyState)&&e()}),{once:"interactive"===a})},window.advanced_ads_ready_queue=window.advanced_ads_ready_queue||[];

sambafoot

Ford Transit Furgão

Ford Transit Furgão

Ford Transit Furgão: ferramenta de trabalho mais que produtiva

 

No âmbito da indústria automotiva nacional, existem fabricantes que foram esmerando suas tecnologias ao longo de décadas. Caso da Ford, que criou e desenvolveu um dos carros mais baratos do mundo no início do século 20, produziu aviões nos anos 20 e até na Fórmula 1 foi praticamente a única fabricante de motores durante alguns anos, fornecendo para todas as equipes o famoso V8 Cosworth.

Claro, essas experiências garantiram uma boa dose de know how para a marca do Oval Azul, projetado em seus modernos veículos, especialmente aqueles vendidos no mercado nacional: desde o esportivo nato Mustang, com boa dose de diversão e segurança ao volante; passando por picapes robustas como a Ranger ou Maverick; até veículos de transporte de carga como a recém-lançada Transit Furgão.

 

 

A Transit Furgão concilia um projeto interessante que foca em transportar o máximo de carga com o menor custo possível, seja para adquiri-lo, mantê-lo ou abastecê-lo, por exemplo.

 

 

Começando pelas duas carrocerias, média e longa, que têm teto alto e muito espaço para cargas. A primeira, chamada de L2H3, disponibiliza 10,7 m³ úteis, ou mais de 1.220 kg, com fácil acesso por uma grande porta corrediça lateral ou duas portas traseiras, permitindo agilidade e segurança para carregar ou descarregar a Transit Furgão. Já na carroceria longa, L3H3, o proprietário tem ainda mais espaço graças aos 12,4 m³, isso ainda mantendo bons 1.180 kg de capacidade.

Vale lembrar que nas duas Transit Furgão, média e longa, o teto elevado facilita a vida daqueles que transportam objetos maiores ou precisam de modularidade durante o trabalho. Nos compartimentos dos dois modelos estão disponíveis vários ganchos de fixação ou amarração de carga, além de iluminação embutida.

 

 

Você poderia até pensar que, com carga máxima, o utilitário da Ford pudesse se transformar em um veículo lento nas acelerações ou retomadas, além de exigir muito do motorista nas intermináveis trocas de marchas. Mas é um engano, já que o motor EcoBlue turbodiesel de 2.0 litros e quatro cilindros, o mesmo da Transit Minibus, dá muito bem conta do recado e ainda oferece bastante tecnologia construtiva.

 

 

Sua superalimentação, por um turbocompressor de geometria variável, garante alta eficiência volumétrica, enquanto a injeção direta de combustível permite melhor aproveitamento da queima do diesel, ajudando e muito no consumo. São 170 cv de potência e torque que beira os 40 mkgf, associados à tração traseira e ao câmbio de seis marchas bem escalonado, que permitem boa dose de agilidade e desempenho para a Transit Furgão mesmo nos trabalhos mais pesados.

Além disso, essa configuração mecânica de um motor forte junto do câmbio de seis marchas faz com que o modelo da Ford garanta ótimas velocidades médias no uso rodoviário. Para quem precisa de um utilitário para não perder tempo nas entregas, a Transit Furgão é uma ótima pedida.

 

 

Tecnologias não só mecânicas

 

Ainda que seja mecanicamente moderna, a Transit Furgão também se garante com outras tecnologias muito úteis para o uso profissional. Além de Start&Stop, que desliga o motor em paradas rápidas para poupar combustível, outro item que se destaca é o recarregamento inteligente da bateria através de regeneração de frenagens. É um sistema que auxilia bastante, por exemplo, no transporte de cargas refrigeradas, que exigem ar-condicionado ligado em tempo integral, demandando maior carga do sistema elétrico do veículo.

 

 

E não para por aí, afinal o utilitário da Ford conta ainda com outros itens inteligentes e bastante úteis, como o seletor de modos de condução, sensor de estacionamento traseiro ou o volante multifuncional que evita maiores distrações do motorista com comandos do carro durante a condução. Na segurança, além do mérito da nota máxima pelo EuroNCAP, ele oferece sistemas de controle anticapotamento, controle de carga inteligente e assistente de ventos laterais.

 

 

Outro destaque vai para o FordPass, aplicativo que possibilita comandos e diagnósticos diretamente do smartphone do proprietário, ou serviço concierge. Em caso de ocorrências mecânicas ou funcionais diagnosticadas pelo sistema durante a condução da Transit Furgão, o sistema fornece canal direto com uma central de atendimento especializada ou até mesmo com o chefe de oficina da concessionária Ford mais próxima (o que vale para o país inteiro), em prol de resolver o contratempo o quanto antes.

 

 

Depois de saber de tudo isso, fica claro que a Transit Furgão, o mais recente utilitário da Ford, é uma ótima pedida para empreendedores, profissionais autônomos, empresários e empresas que precisam de um transporte ágil, robusto, econômico e eficiente.

 

 


 

Douglas Mendonça é jornalista na área automobilística há 46 anos.

Trabalhou na revista Quatro Rodas por 10 anos e foi diretor de redação da revista Motor Show até 2016. Formado em comunicação pela Faculdade Cásper Líbero, estudou três anos de engenharia mecânica na Faculdade de Engenharia Industrial (FEI) e no Instituto de Engenharia Paulista (IEP).

Como piloto, venceu a Mil Milhas Brasileiras em 1983 e a Mil Quilômetros de Brasília em 2004.

 

 

 


 

 

🚗 Parceiro: Olho no Carro
Para ter o desconto de 25%, acesse o link https://www.telcotraders.com

 

👪 TORNE-SE MEMBRO e tenha acesso a conteúdos exclusivos:
https://www.hostpublisher.com

🙋PARCERIAS:apartamentos-rosa.com@gmail.com
      DÚVIDAS:contato@apartamentos-rosa.com

👉INSCREVA-SE no Canal e ATIVE o sininho. Só assim você recebe os avisos de novos vídeos.
São só dois cliques! Super fácil! Combinado?
É só clicar AQUI: https://www.godsexapplepie.com

😉 O que a gente gosta a gente compartilha, certo? Então, espalha o vídeo pros amigos!
Assim você ajuda muito o Canal a crescer e continuar trazendo novos vídeos para você.

Fique pertinho da gente:
🔸 https://www.instagram.com/carroscomcamanzioficial/
🔸 https://www.instagram.com/emiliocamanzi/
🔸 https://www.instagram.com/camilacamanzi/
🔸 https://www.facebook.com/carroscomcamanzi/

📻 ITATIAIA CARROS: 95,7 FM – 2ª e 6ª às 12h30 – reprise: 3ª e sábados às 05h50

 


 

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO
Douglas Mendonça

Douglas Mendonça

Douglas Mendonça é jornalista na área automobilística há 46 anos. Trabalhou na revista Quatro Rodas por 10 anos e foi diretor de redação da revista Motor Show até 2016. Formado em comunicação pela Faculdade Cásper Líbero, estudou três anos de engenharia mecânica na Faculdade de Engenharia Industrial (FEI) e no Instituto de Engenharia Paulista (IEP). Como piloto, venceu a Mil Milhas Brasileiras em 1983 e a Mil Quilômetros de Brasília em 2004. 🙋 PARCERIAS: apartamentos-rosa.com@gmail.com

Deixe seu comentário. Sua opinião é muito importante pra nós!:

%d blogueiros gostam disto:
sambafoot Mapa do site