window.advanced_ads_ready=function(e,a){a=a||"complete";var d=function(e){return"interactive"===a?"loading"!==e:"complete"===e};d(document.readyState)?e():document.addEventListener("readystatechange",(function(a){d(a.target.readyState)&&e()}),{once:"interactive"===a})},window.advanced_ads_ready_queue=window.advanced_ads_ready_queue||[];

sambafoot

Lanterna de neblina, para quê?

Lanterna de neblina, para quê?

Você já deve ter notado que muitos carros circulam à noite com uma luz mais forte na traseira, não é? É a luz de neblina, que pode e deve ser usada também com chuva forte, quando a visibilidade fica comprometida da mesma forma. Tanto de dia, quanto de noite.

Mas, tem muita gente que não sabe direito para que serve e acredita que está colaborando para a segurança, acendendo-a em noites normais. Ledo engano.

Para poder “furar” a neblina ou uma chuva mais violenta, ela tem uma lâmpada mais forte, da mesma intensidade das luzes de freio. Por isso, se estiver sempre acesa em noites claras, ela acaba ofuscando quem vem atrás. Além de incomodar, pode deixar o motorista do carro detrás confuso e sem perceber que as luzes de freio acenderam, pois ambas estão próximas. Resultado: o motorista que vem atrás, pode bater no seu carro.

Claro que muitos motoristas fazem isso sem perceber, pois, a luz de neblina traseira é ligada no mesmo botão que acende os faróis dianteiros de neblina e é difícil identificar as duas funções ao mesmo tempo. Se for o caso do seu carro, preste atenção no painel: além da luz de advertência verde, com o símbolo de um farol com o facho apontando para baixo, que indica que os de neblina dianteiros estão ligados, acende-se um segundo de cor amarela, com o facho apontando para a frente, que acusa que a luz de neblina traseira está ligada.

Então, colabore com quem vem atrás: só use a lanterna traseira de neblina “com neblina” ou em caso de chuva muito forte, quando a visibilidade também é ruim.

E lembre-se: se algum guarda perceber que você está com ela ligada, sem necessidade, pode te multar.

Fotos: Emilio Camanzi

DEIXE SEU COMENTÁRIO
Emilio Camanzi

Emilio Camanzi

Emilio Camanzi  é um jornalista experiente e formador de opinião, com mais de 56 anos de trabalho dedicados a área automobilística. Seu trabalho sempre foi norteado pela busca da seriedade e credibilidade da informação. Constrói suas matérias de forma técnica, imparcial e independente, com uma linguagem de fácil compreensão. https://www.instagram.com/emiliocamanzi/ 🙋 PARCERIAS: apartamentos-rosa.com@gmail.com

2 thoughts on “Lanterna de neblina, para quê?

    1. Caro Elizier
      Realmente andar atrás de um carro com essa luz acesa sem necessidade é muito chato. Mas também simplesmente ligar os faróis no facho alto para incomodar o motorista que vai à frente também não é uma boa. É que fazendo isso você vai estar ofuscando quem vem em sentido contrario e não tem nada a ver com a sua situação. O aconselhável é ultrapassar o carro e simplesmente ir embora sem provocações ou, se isso não for possível, diminuir a marcha e deixar que ele se afaste até uma distância que não incomode mais. Lembre sempre que “guerrinhas” no trânsito podem não ter um final feliz.
      Um abraço

Deixe seu comentário. Sua opinião é muito importante pra nós!:

%d blogueiros gostam disto:
sambafoot Mapa do site